VEJA OS FILMES!

Desde a primeira edição do Festival, foram muitas as perguntas sobre como conseguir os filmes que foram exibidos, tanto para exibição em outros lugares quanto para assistir em casa. E com a proposta de que todas essas produções possam continuar circulando, disponibilizamos aqui os filmes que já se encontram na internet para assistir ou baixar!

PARA VER A LISTA COMPLETA DE FILMES EXIBIDOS POR ANO, ACESSE O HISTÓRICO DO FESTIVAL NO MENU

* * *

 

 

Indomables: Una Historia de Mujeres Libres

(63 min. | 2012 | ZerikuziA | Espanha) – em espanhol

Mujeres Libres foi uma organização autônoma que chegou a reunir mais de 20 mil afiliadas, unindo o feminismo a suas raízes anarquistas, e objetivando preparar as mulheres para que pudessem participar em primeira pessoa da revolução libertária. Lidaram naquele momento com elevadas taxas de analfabetismo entre as mulheres, uma cultura tradicional e católica, e, ainda, contra a indiferença de seus companheiros libertários. Este documentário tenta abordar os pensamentos, reflexões, visões políticas e formas com que desenvolviam seus projetos. Conta com entrevistas com Conchita Liaño, Sara Berenguer, dentre outras.

*Filme com legendas: http://www.youtube.com/watch?v=xvOz-VfEwgk

***

Reportagem do movimento revolucionário em Barcelona
(Documentário | 21:39 min. | 1936 | Oficina de Información y Propaganda | Espanha – legendas em português por Coletivo Terra Livre)

Este documentário é considerado como o primeiro rodado durante a Revolução Espanhola, filmado nas ruas de Barcelona entre o dia 19 e o 24 de julho de 1936. Um documento histórico de como um povo vai para as ruas para se defender de uma rebelião militar que quer faze-la ficar ainda mais na miséria, ao mesmo tempo que extravasava seu ódio contra seus cúmplices, uma igreja ultrarreacionária aliada desde sempre na Espanha com os exploradores.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=dIjP6twJP34

***

Barcelona trabalha para o front
(Documentário | 21:57 min. | 1936 | Oficina de Información y Propaganda | Espanha – legendas em português por Coletivo Terra Livre)

O filme reúne imagens do funcionamento e organização do Comité Central de Abastecimentos, da CNT, que se encarregava do envio de alimentos para o front e para a cidade, bem como da fabricação de produtos alimentícios, manutenção de armazéns, gestão dos restaurantes coletivizados, etc.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=fMCX3QWsyPU

***

A Voz do Trabalhador Livre: As Judias Anarquistas
(Documentário | 57 min. | 1980 | Steven Fischler e Joel Sucher | EUA –
legendas em português por Cinza)

“A Voz Livre do Trabalhador: As Judias Anarquistas” segue a história de um jornal anarquista em iídiche que publica sua última edição. A história é contada na maior parte pela equipe agora idosa, mas não derrotada, do jornal. Esta é a história de um dos maiores movimentos radicais entre trabalhadoras imigrantes judias do século 19 e 20, e a as condições que as levaram a se unirem.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=sAUgK4e8Q-Q (versão sem legendas)

***

A ditadura da especulação
(Documentário | 12:40 min. | 2012 | Zé Furtado/CMI-DF | Brasilia/DF)

O curta metragem mostra as tentativas de impedir que as máquinas derrubassem a vegetação local para construção de edifícios do setor noroeste. Diversos confrontos entre indígenas, manifestantes, polícia militar e seguranças da administradora Terracap, que é a estatal que administra as terras públicas do Distrito Federal. O movimento de resistência ao avanço das construções desse novo bairro em Brasília, que tenta retirar do local um antigo santuário e a comunidade indígena que habita a área.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=gl3SBN-ikuw

***

De Montagem em Montagem
(Documentário | 9:16 min. | Productora de Comunicación Social | Chile)

O curta “De Montagem em Montagem” denuncia as fraudes de montagens policiais na tentativa de incriminar judicialmente anarquistas apoiadores da luta dos povos do TIPNIS. No dia 29 de maio de 2012 em La Paz e Cochabamba, Bolívia, 12 casas particulares foram invadidas pela polícia à procura de 13 pessoas. Elxs estavam sendo acusados de tentativa de homicídio e terrorismo, além de lhe atribuírem a fabricação de artefatos explosivos. Tudo isto construído num contexto de mobilização social pela luta dos povos indígenas em defesa do TIPNIS e antes da reunião da OEA, em Cochabamba. A operação policial invadiu as casas sem a presença de alguns dos acusados ??oferecendo a opinião pública provas insuficientes, tais como máscaras ou patches punk.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=_1WsK1NqglQ&t=8s

***

Caixa Postal 195

(5 min. | 2012 | Giuliana Miguel e Rodrigo Rosa da Silva | São Paulo/SP)

A vigilância policial em São Paulo e atuação de investigadores do DEOPS contra os anarquistas. Uma simples caixa postal no centro da cidade vira pivô de uma perseguição pelas ruas e bairros ferequentados pelos libertários.

Link: https://www.youtube.com/watch?v=pBIzR4-tdHM

***

Com Vandalismo
(Documentário | 70 min. | 2013 | Nigéria Audiovisual | Fortaleza/CE)

“SEM VANDALISMO!” repetiam gritando parte dos manifestantes que ocuparam as ruas de Fortaleza. Mas na multidão das manifestações, que explodiram no Brasil em junho de 2013, outros grupos empregaram métodos mais diretos. Tachados de “vândalos”, foram criminalizados por parte da grande mídia, antes mesmo de serem ouvidos. Este documentário vai à “linha de frente” para registrar os confrontos e entrevistar os manifestantes para mostrar as motivações dos atos de desobediência civil.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=KktR7Xvo09s

***

El Ocaso Del Miedo

(16 min. | 2011 | Productora de Comunicación Social | Chile)

Documentário curta-metragem que apresenta uma sequência viva que retrata as ruas de Santiago no contexto das mobilizações estudantis por educação gratuita, sendo um testemunho audiovisual dos enfrentamentos entre manifestantes e o forte estado policial. O estilo do vídeo é marcado dentro de um plano sequência sem comentários, tornando invisível a montagem e permitindo ao expectador ser parte de uma viagem pelas ruas que foram cenário do protesto social. O curta é dedicado a Manuel Gutiérrez, que foi assassinado pela polícia na madrugada de 26 de agosto, segundo o testemunho d@s que o acompanhavam.

* Versão para assistir e fazer download em: http://vimeo.com/28266267

***

Todo Fim É Um Começo

(68 min | 2012 | Anarco.Filmes Produções Anarcopunx e Coletivo Cultive Resistência | São Paulo /SP)

Qual o papel dos espaços libertários? Quais as dificuldades que envolvem sua gestão e continuidade? Este documentário trás dezenas de entrevistas com companheir@s de diversas partes que falam sobre suas experiências e visões a respeito dos espaços autônomos e libertários, sua importância e as problemáticas que envolvem a gestão deles, tudo isso no contexto de um evento de três dias de encerramento do Espaço Impróprio, em São Paulo.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Kl08DuvAbwc&list=UUcmGd-_0bqvS1yHOvNh27Vg

***

4F – Nem esquecimento, nem perdão
(Documentário | 110 min | 2013 | X | Espanha – legendas em português)
O documentário do 4F é um trabalho de investigação videográfica que busca conhecer a verdade sobre o caso 4F, um dos casos de corrupção policial mais graves que vieram a tona em Barcelona. Clique aqui para ler uma tradução de um texto sobre o caso, disponível em espanhol com mais informações em http://documental4f.cc/

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Dh9V2i436_s&t=972s

***

Relatos de Uma Cena Anarcopunk

(23 min | 2012 | César Medeiros e Danilo Tázio | Natal/RN)

Feito de forma faça-você-mesmx, com recursos zero e muita força de vontade e correria, o filme procura contar como a cultura punk chegou à cidade de Natal/RN, como se organizou e se consolidou com base no anarquismo. Bandas, coletivos, zines, eventos, tudo relatado por alguns dos personagens ativos da cena punk potiguar entre 1980 e 2003. O vídeo foi produzido em 2008 e apresentado como trabalho de conclusão do curso de Jornalismo da UFRN por César Medeiros e Danilo Tázio. Foi re-editado em julho de 2012 com novos cortes, cenas e imagens de arquivo que haviam ficado de fora, e reduzido em 20 minutos para exibição.

* Disponível em: http://youtu.be/aYNWNXYHwQY

***

Desalojo Ilegal da Ocupação Abu-Jamal

(4 min. | 2012 | Coletivo Videográfico Libertário | Rio de Janeiro/RJ)

No dia 13 de maio de 2012 , policiais militares e guardas municipais arbitrariamente invadiram a ocupação Abu Jamal recorrendo a meios truculentos, exibindo armas de fogo e procedendo sem mandado judicial. Esse vídeo conta com depoimentos e cenas do ocorrido. Algumas das cenas foram filmadas pel@s própri@s ocupantes no momento da invasão policial.

* Disponível em http://youtu.be/Ggl-KhbdDxY

***

Anarcovândalos em Townsville
(Animação | aprox. 7 min. | 2013 | Allan e Giu | São Paulo/SP)

A cidade de Townsville é o reino encantado da democracia. Tudo ocorre de maneira “igual, fraterna e livre”…até que uma “minoria baderneira”, usando de violência e vandalismo, começa a aterrorizar os cidadãos de bem. Quem poderá nos salvar? Meninas super poderosas, PSTU ou Fora do Eixo? Uma sátira anarquista à mídia burguesa e ao oportunismo de vanguarda.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Izt9WEYbVbs

***

25 de julho: Feminismo Negro Contado em Primeira Pessoa
(Documentário | 62 min.| 2013 | Do Morro Produções | São Paulo/SP)

Por meio de entrevistas com mulheres negras moradoras da cidade de São Paulo, o documentário discute o significado do 25 de julho como Dia Internacional da Mulher Negra, Latino-Americana e Caribenha.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=J6ev2V-Ee3U

***

Andes Libertários: O Anarquismo no Peru

(Documentário | 59 min. | 2014 | Renzo Forero | Peru)

Este documentário, que traça a história do anarquismo no Peru desde os seus primórdios até o presente, é uma humilde homenagem a todxs aquelxs libertárixs propositadamente esquecidxs pela história oficial e para quem hoje, sob a crescente popularidade e importância do anarquismo ao redor do mundo, levanta a bandeira vermelha e negra pela igualdade, justiça e liberdade.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=iXWS9J0yV5I (versão sem legendas)

***

Alter Nativa – II Feira Anarquista de São Paulo

(Documentário | 22 min. | 2013 | Carlos Cavalheiro  e Ricardo Schadt | SP)

Documentário sobre a II Feira Anarquista de São Paulo, realizada em dezembro de 2011. Entrevista com participantes da Feira e militantes libertárixs.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=iTeQTVvxqI0

***

Ácratas

(Documentário | 72 min. | 2000 | Virginia Martinez | Uruguai )

Montado com base em fotografias, filmes da época, materiais de arquivo e testemunhos de sobreviventes, familiares e historiadorxs, o documentário reconstrói com precisão e sensibilidade o roteiro dxs “anarquistas expropriadorxs” no Rio da Prata e concretamente na Montevideo do primeiro terço do século XX. Assim emergem os nomes e os acontecimentos que forjaram, talvez não deliberadamente, parte de nossa identidade nacional [uruguaia]: os lutadores sociais Miguel Arcángel Roscigno, Buenaventura Durruti e Severino di Giovanni, o sangrento assalto ao Câmbio Messina e a espetacular fuga da penitenciária de Punta Carretas. Tudo isso observado de uma perspectiva atual, crítica e inquieta.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=PJsR99W_vkM (versão sem legendas)

***

An anarchist life
(71 min. | 2014 | ig drop out | Itália)

Esta é a história de Umberto Tommasini, um ferreiro nascido em 1896 em Vivaro, um pequeno vilarejo em Friuli, no reino Italiano. É a história de uma migração para Trieste, no território austro-húngaro, de uma família socialista formada de um pai e 4 irmãos. Uma família que ainda em Vivaro agitou a abertura da primeira biblioteca social em um dos dois cômodos que compunham a casa da família. Depois Umberto se envolveu em manifestações de protesto, até que termina se alistando no exército italiano e então em Caporetto. Primeiro atirando para o ar esperando perder o “inimigo” e depois passando tempo em campos de prisioneiros, ele passou pela Grande Guerra, voltando a Trieste a tempo de entrar em conflito com os primeiros esquadrões fascistas. Ele é um dos primeiros a ficar em prisão política, primeiro em Ponza, e depois em Ventotene. Ali conheceria antifascistas como Gramsci, Di Vittorio e Bordiga, a quem trata como seu igual, sem qualquer temor.

*Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=q46ewXtneR0

***

Negra Lésbica
(Documentário | 5 min. | 2013 | Formiga, Priscilla, Roberta, Patricia  | São Paulo)

6 mulheres, 6 histórias diferentes, mas que apresentam um único elo: o preconceito que sofrem por serem negras e assumirem sua orientação sexual como lésbicas, dentro de uma sociedade machista, racista e heteronormativa.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=udFj1NW_Sfg

***

(A)partidários
(Documentário | 7:31 min. | 2013 | Matheus Maderal, Mike Garrossino e Nathalia Marangoni | São Paulo/SP)

20 de junho de 2013. Em uma Avenida Paulista dividida por bandeiras, rojões, caras pintadas e cordões humanos, uma câmera acompanha o que deveria ter sido um ato em comemoração à revogação do aumento da tarifa na cidade de São Paulo. Retratando o ambiente inflamado entre os manifestantes daquela quinta-feira, o mini documentário (A)partidários revela um campo de batalha ideológico que vai muito além de 20 centavos…

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=-UMxuVreVrQ

***

Aos Berros: Movimento Punk em Juiz de Fora
(Documentário | 50 min. | 2010 | Davi Ferreira, Jimmy Correa, Aline Freitas | Juiz de Fora/MG)

O filme narra a trajetória dos primeiros punks de Juiz de Fora, na zona da mata de MG. Através de uma ampla pesquisa, gravações com vários remanescentes dessa “primeira geração punk”, além da compilação e restauração de arquivos inéditos, o documentário produzido no estilo faça você mesmo punk tenta resgatar parte desta história esquecida e ofuscada pela memória oficial.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=JR0b08ViF1c

***

O interrogatório de Bakunin 

(Stop motion | aprox.15 min. | 2014 | Biblioteca Terra Livre | SP)
Depois de uma brilhante operação mesa branca, a polícia brasileira finalmente conseguiu prender o líder do caos no país, Miguelzinho Bakunin. Agora é ver se os tiras conseguem tirar uma confissão esclarecedora desse perigoso terrorista e reestabelecer a ordem. Singela homenagem aos 200 anos do gigante barbudo.

*Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=HY6ZaIC8oXI

***

200 Anos do Nascimento de Mikhail Bakunin

(Documentário | 12 min. | 2014 | Grupo Anarquista Albatros – FAI | Espanha)

O Grupo Anarquista Albatros, ligado a FAI – Federação Anarquista Ibérica, produziu o documentário em homenagem ao bicentenário de Mikhail Bakunin. Construído de maneira simples e apoiado nas entrevistas de Ana Siguenza e Julian Vadillo, que nos trazem de maneira didática e rigorosa as ideias de um Bakunin libertário e livre pensador, e com uma mesa redonda aberta, formada por Paco Salamanca, Juan Pablo Calero e Javier Anton, o documentário aborda, através de acertadas intervenções dxs entrevistadxs, a atualidade dos conceitos, ideas e pensamentos de Mikhail Bakunin.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=iKyDzv7s7Q8

***

Casa da Lagartixa Preta “Malagueña Salerosa”- 10 anos de experiências anarquistas | ESTRÉIA

(Documentário | 75min. | 2014 | Anarco.Filmes, Do Morro Produções e Ativismo ABC | SP)

Este documentário é um pequeno registro das muitas experiências que envolvem os 10 anos de existência e atividade da Casa da Lagartixa Preta, situada em Santo André/SP e gerida pelo coletivo Ativismo ABC. Com entrevistas, imagens e fotografias de arquivo, o filme se propõem também a ser uma contribuição para as reflexões e práticas de gestão em espaços autônomos anarquistas.

*Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=zXHYATEdTKo

***

 

O tributo das massas a Buenaventura Durruti

(Documentário | 10 min. | 1936 | Espanha)

Em 20 de novembro de 1936, na defesa de Madri, o anarquista Buenaventura Durruti caía ferido por uma bala. Na ocasião de sua morte, a CNT-FAI realizou um filme-homenagem que passava as impressionantes imagens de seu enterro em Barcelona. A narração diz que milhões de pessoas acompanharam o cortejo fúnebre, uma quantidade de pessoas que nunca havia sido vista junta antes em Barcelona. O cortejo atravessa o centro da cidade até chegar a praça Colón, de onde o corpo foi transportado para o cemitério de Montjuich.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Q2s0_Ncu8vY

***

Madri, tumba do fascismo (1ª Jornada, documentário nº 5)

(Documentário | 18 min. | 1936 | Espanha)

Vindos de Aragón chegaram a Madri, Durruti e as milicias anarcosindicalistas para integrar-se no movimento de defesa da capital. Com eles chegaram os repórteres cinematográficos da SUEP de Barcelona, que com o material que filmaram fizeram a serie “Madri, tumba do fascismo”. Foram ao menos cinco os títulos da serie e em sua maior parte foram montados sobre o material capturado pela câmera de Ángel García Verchés. O conteúdo está baseado no papel desempenhado pelas colunas de milicias anarcosindicalistas na defesa de Madrid.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=X07Fv3aiPgE

***

Solidariedade do povo às vítimas do fascismo

(Documentário | 4 min. | 1936 | Espanha)

Reportagem da manifestação celebrada em Valência em solidariedade com os feridos na guerra. O documentário mostra imagens da manifestação com cartazes, bandas de música e bandeiras da CNT-FAI. Aviões sobrevoam a multidão que os saúda com o punho ao alto. Uma multidão se concentra na praça Castelar onde, desde uma sacada, García Oliver, Ministro da Justiça, profere um discurso chamando a solidariedade com os combatentes feridos. O fragmento é interrompido aos 4 minutos durante o discurso de García Oliver.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=oNBqWHr-oY8

***

Caminhada anarcológica JF
(Documentário | 17 min. | 2008 | Koletivo Punk JF | Juiz de Fora/MG)

Documentário sobre manifestações durante as eleições municipais de 2008 em Juiz de fora –MG . Buscou unir a questão ecológica a campanha do voto nulo como chamariz estético para despertar o dialogo com a população. Recolhemos lixo eleitoral ao longo do processo que foi simbolicamente entregue na câmara municipal as vésperas das eleições.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=sc4FZCtdQy4 (parte 1) e https://www.youtube.com/watch?v=V-jMLGqd9OY (parte 2)

***

Bibliotecas em Espaços Autônomos – Biblioteca Terra Livre
(Documentário | 16:40 min | 2013 | Biblioteca Terra Livre | São Paulo/SP)

Video que busca apresentar a Biblioteca Terra LIvre, um pouco de sua historia, perspectivas e dificuldades. Serve como reflexão dentro de um projeto mais amplo que visa compreender os aspectos educativos e políticos dos espaços autogeridos e das bibliotecas anarquistas.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=IZtW-Xw6CAE

***

Squat Pantano Revida – O Filme
(Documentário | 25:14 min. | Sr. Cinza Produções / Coletivo Problema | Espírito Santo)

Filme que retrata as experiências, vivências e histórias do squat Pantano Revida, situado em Aracruz/ES, que resistiu durante quatro anos com muitas atividades e pessoas envolvidas, e sofreu reintegração de posse em agosto deste ano.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=iIibV23UfzU

***

Beyond the Screams: A U.S. Latino Hardcore Punk Documentary
(29 min. | 1999 | Martin Sorrondeguy | EUA – legendas em português)

Documentário sobre a cena punk latina dentro do contexto norte-americano, com entrevistas diversas, imagens de época e apresentações de bandas como Huasinpungo, Los Crudos, Subsistencia, Sbitch, entre outras.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=iYph2q44MQU (versão sem legendas)

***

Ecos de Revolta – Exibição Vide Urbe

(6 min. | 2012 | Coletivo Videográfico Libertário | Rio de Janeiro/RJ)

O filme Ecos de Revolta – Exibição Vide Urbe mostra cenas da projeção do vídeo “Ecos de Revolta”  na estação central, localizada no Rio de Janeiro no contexto do Festival Vide Urbe, depoimentos dos integrantes do coletivo videográfico libertário e o próprio filme Ecos de revolta.

* Disponível em http://youtu.be/2fOqymFAjeQ

***

Vozes de um Cárcere

(13 min. | 2010 | Vanessa Vendetta | São Paulo/SP)

Somos, de fato, vigiados, condicionados e aprisionados? Roberto é um cidadão comum, mas, a partir de uma simples observação através das grades da janela de sua casa, ele começa a repensar sua vida e o mundo ao seu redor. Essa nova percepção da realidade faz com que Roberto sinta-se enclausurado e a beira do pânico, na busca frenética por uma saída.

* Disponível em: http://youtu.be/CjweNsz-HR4

***

Fabricação Artesanal de Carvão de Coco Babaçu

(5 min. | 2012 | Subdistro | Imperatriz/MA)

Video-aula com o passo a passo para a produção de carvão a base do coco babaçu.

* Disponível em http://vimeo.com/43308031

***

Unindo Quebradas

(24 min. | 2010 | Núcleo de Atividades O Regicídio Está Por Vir | São Paulo/SP)

Vídeo sobre a cena Anarco Rap de São Paulo, com relatos de diversos militantes das culturas Hip-Hop e Punk que, em seu conjunto, falam sobre as possibilidades que se pode criar a partir da ligação do rap com o anarquismo.

* Disponível em: http://youtu.be/tyyLorMiVgo

***

Casagrande e as ruas do medo

(Documentário | 42 min. | 2014 | Davis Alvin | ES)

Filme que denuncia a violência policial nas manifestações no Espírito Santo e mostra a reação da tática black bloc local.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=6sRTm-mAnhs

***

2014

(Animação | 2 min. | 2014 | Lincoln Checo | SP)

Animação Stop Motion com playmobils sobre os protestos recentes no Brasil.

* Assista em: http://vimeo.com/98047858

***

DOCUMENTOS URBANOS: Quarto ato contra o aumento da tarifa SP

(Documentário | 9 min. | 2013 | Santánna Miranda Filmes | SP)

No dia 13/06/2013 a cidade de São Paulo foi palco de um massacre da PM contra manifestantes. Esse foi o quinto ato contra o aumento da passagem de ônibus em SP. O Ato determinou um marco histórico na maneira como a PM deve agir em manifestações populares.

* Assista em: http://vimeo.com/69042838

***

Copa Pra Que(m)?

(Documentário | 8 min. | 2014 | Coletivo Corte Seco e Ecoar | MT)

Cuiabá 2014 véspera da copa da Fifa , populares dialogam sobre o tema “Copa para Que(m) ?

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=a5wGp1Y0wkg

***

A esta realidad tan charcha
(Documentário | 4 min. | 2013 | Felipe Poblete | Chile)

A dicotomia de uma cidade. Uma Santiago cínica e outra que tenta desmascarar esta falsa normalidade que é imposta. A paz social é combatida na luta das ruas revelando as duas caras de uma mesma cidade.

* Assista em: https://vimeo.com/103535287

***

Akratas
(Documentário | 16 min. | 2013 | Cirko Akrata | RJ)

Vídeo etnográfico sobre o universo do coletivo Cirko Akrata, uma companhia de teatro que mescla as artes do circo com números de Freak Show. Aqui os artistas contam um pouco sobre seus anseios e desejos ligados a Anarquia e à crítica ao sistema em que vivemos. As cenas chocantes dos espetáculos são um convite ao telespectador para a desconstrução moral do corpo e da dor.

* Assista em:  https://www.youtube.com/watch?v=HAauevKsfZE

***

Latinos à flor da pele

(2013, 34min – Livres Indecentes – SP)

Documentário sobre a latinidade presente nos elementos artísticos da tatuagem, tendo como foco o trabalho dxs tatuadorxs.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=eD0o4MoxECE

***

Nodo50 – Erro no Sistema

(Documentário | 20 min. | 2011 | Nodo50 | Espanha)

No início de 2011 a assembleia da Nodo50 – provedor espanhol para movimentos sociais – começa a cogitar a mudança de seus servidores a um novo centro de dados, Bahnhof, na Suécia. Dos trabalhos de planejamento prévio, para levar a cabo a operação com os menores danos possíveis a usuárixs e as maiores medidas de segurança, nasce a ideia de uma viagem de van: Madrid-Amsterdam-Estocolmo-Madrid. Era a única forma de não perder em nenhum momento o controle sobre os dados. Este documentário produzido pela Nodo50 registra estes 13 dias e busca compartilhar os motivos políticos e técnicos desta mudança.

* Assista em: http://vimeo.com/78492174 (versão sem legendas)

***

Squat Wars

(Documentário | 28min. | 2009 | Jan Hanuš | República Tcheka)

Documentário que conta a história do movimento okupa em Praga e relata algumas das experiências vividas nos diversos espaços outrora ocupados na cidade.

* Assista em https://www.youtube.com/watch?v=AHeBjYFauJg (versão sem legendas)

***

Torcendo pelo Time da Casa

(aprox.. 5 min. | 2012 | Jesse Meehl, Nolan Morice, Erick Boustead)

O pequeno vídeo lança luz sobre a resistência e a luta da Comunidade Trilha do Senhor, uma das 22 comunidades de Fortaleza/CE que está lutando para permanecer nas casas que ocupam há gerações. Xs moradorxs da Comunidade enfrentam a ameaça constante de serem despejadxs de suas casas e a iminente destruição de toda a Comunidade, em nome do “desenvolvimento econômico” e sob pretexto dos preparativos de Fortaleza para a Copa do Mundo 2014 da FIFA.

* Disponível em: http://youtu.be/yxOHw2LdMKU | http://www.rootingforthehometeam.org/

***

Ciclovida

(88min. | 2010 |Irmãos Feinstein)

Em uma viagem de bicicleta do Ceará a Buenos Aires, na Argentina – mais de 8 mil quilômetros (ida e volta), xs viajantes documentam a dominação dos agrocombustíveis no campo e o deslocamento de milhões de pequenos agricultores e comunidades indígenas. Cultivos e matas nativas estão sendo substituídos por desertos verdes de monoculturas transgênicas onde nada mais, planta ou animal, pode sobreviver aos agrotóxicos. Com o crescimento e a distribuição das sementes recolhidas após o retorno dos protagonistas, existe a necessidade de continuar a caminhada em busca de uma nova relação com a terra.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=oqaBg-glBUQ

***

Na Prisão Minha Vida Inteira (In Prison My Whole Life)

(90min | 2008 | Will Francome | EUA – legendas em português)

Documentário sobre o caso do preso político afro-americano Mumia Abu-Jamal, que há décadas enfrenta o corredor da morte na Pensilvânia sob a falsa acusação de ter assassinado um policial branco. O filme aborda diversos aspectos do caso de Mumia, denunciando o racismo e as fraudes que pautaram seu julgamento desde o início. Na atualidade Mumia foi transferido do corredor da morte para a população geral, mas segue no cárcere com a pena comutada para prisão perpétua.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=wsg5vAc8jM8 (versão sem legendas)

***

Filme Plágio ou Introdução à crítica do valor da imagem mercantil como dispositivo de designação do Sujeito

(30 min.| 2011 | Pedro, Patricia, Arthur | São Paulo/SP)

Este é um filme ensaio, um discurso que se pensa e se coloca em questão. Pode-se até dizer que é uma divagação sobre o ano de 2011, mas que também coloca em questão a sociedade, suas formas de produção e reprodução,a forma-mercadoria, o estado atual do capitalismo e sua crise, assim como a resistência aos dispositivos da ordem; mas que não perde de vista o lugar de onde fala e a própria forma com que fala – tentando também os problematizar.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=HLv9L7edPXI

***

Escolarizando o Mundo: O Último Fardo do Homem Branco

(65 min | 2010 | Carol Black | EUA – legendas em português)

Se você quisesse mudar uma cultura milenar em uma geração, como você faria isso? Você mudaria a forma como ela educa suas crianças. O governo dos Estados Unidos sabia disso no século XIX quando forçou os filhos dos nativos a frequentarem escolas. Hoje, voluntários constroem escolas em sociedades tradicionais pelo mundo, convencidos de que a escola é a única forma de dar uma vida “melhor” às crianças indígenas. Mas isso é realmente verdade? O que realmente acontece quando substituímos a metodologia tradicional de aprendizado e entendimento do mundo pela nossa? Escolarizando o Mundo: O Último Fardo do Homem Branco mostra de maneira desafiadora os efeitos da educação moderna nas últimas culturas indígenas e sustentáveis do mundo. “Gerações à frente, olharemos para trás e diremos: ‘Como pudemos fazer este tipo de coisa com as pessoas?”

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=3Xux89-8MX4

***

Crass: There Is No Authority But Yourself

(64min. | 2006 | Alexander Oey | Inglaterra – legendas em português)

Um filme que aborda a história da banda punk inglesa Crass, que para além de relembrar seu surgimento e diversas ações de combate ao sistema vigente levadas a cabo no fim dos anos 70 e anos 80, retrata também as atuais visões dxs integrantes sobre o passado e o presente.

* Disponível em: http://www.minimovies.org/documentaires/view/crass/full%20movie

***

Barulho Bom

(20 min. | 2008 | Alex Fedox, Bartira Dias e Luciola Feijó | Fortaleza/CE)

Registro de uma bicicletada de ocupação artística, em memória ao movimento provos, com imagens das intervenções e debates realizados.

* Disponível em http://youtu.be/au__i5F_HMQ (parte 1) e http://youtu.be/Np2u7YJ3fKo (parte 2)

***

A Céu Aberto

(A Cielo Abierto)

(20 min. | 2011 | Juan Pablo Nuñez | Venezuela – legendas em português)

Este documentário explica o impacto ambiental e social da indústria mineira na Zona de Guasare e a possível expansão desta atividade a outras áreas de bosques vizinhos com bacias ricas em biodiversidade. As relações entre os fatores do meio ambiente, as comunidades indígenas, a cidade e seu reservatório de vida frente a um plano de mineração.

* Disponível em espanhol em http://vimeo.com/36294222

***

Tid

(1:20 | La Desgracione Pelicula | Araçatuba/SP)

Anarquista. Cineasta. Fotógrafo. A vinda do papa em sua localidade causa uma reação inesperada.

* Disponível em http://youtu.be/XfwN-dQVBNk

***

Noite do Horror

(46min. | Punx de Barreira/BA)

Documentário que retrata um pouco sobre como é ser punk em Barreiras, como são as dificuldades para organizar um evento, como são as bandas, oq dizem enfim, um retrato do espasmo punk na cidade de Barreiras e região.

* Disponível para assistir em: https://www.youtube.com/watch?v=bGfllhKQyZI

***

O Sentido da Moradia

(40 min. | Do Morro Produções | São Paulo/SP)

Documentário que traz um pouco da história de 4 pessoas que vivem em diferentes situações de vida e de moradia.Todas em algum bairro do Distrito da Brasilandia, periferia da Zona norte de São Paulo.
Trabalho e pesquisa realizados por integrantes do Lab. Cidade (FAU-USP) em parceria com o Espaço Cultural Do Morro/Do Morro Produções e Esquina da Memória.

* Disponível para assistir em: http://youtu.be/qJNPct6IJY8

***

Uma Parte – Uma parte da história do rock e das culturas subterrâneas em Tucuman e Argentina 
(Documentário | 2010 | José Saravia/Para el Fuego o Para el Baño Ediciones | Argentina – legendas em português)

UMA PARTE é um documentário sobre a movimentação punk em Tucuman(Argentina) que inclui diversos capitulos abordando aspectos diferentes e de momentos históricos distintos. Serão exibidos capítulos que abordam os fanzines de Tucumán e a cena punk dos anos 90 na região.

* Assista em a versão sem legendas em: https://www.youtube.com/watch?v=KMbI6KbYuY8&list=UUsMi7V7IhXMj0FtUlQmPNUw&index=56 (parte 1) / https://www.youtube.com/watch?v=pCsE8qDALBA&index=55&list=UUsMi7V7IhXMj0FtUlQmPNUw (parte 2) / https://www.youtube.com/watch?v=FCNko-lv44s&index=54&list=UUsMi7V7IhXMj0FtUlQmPNUw (parte 3)

***

CarnePerro
(Ficção | 4:19 min | 2012 | Matías Cerón Fabio | Chile)

Um açougueiro é sequestrado por um grupo de animais após se sentir culpado por atropelar um cachorro.
* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=tQ9h9wNbOXw&list=PLmq39JwvqsKQYGxcEez5jBop6b0F3sNOv

***

Acabou a Paz, isto aqui vai virar o Chile! – Escolas Ocupadas em São Paulo  (Documentário, 60min | Carlos Pronzato, Lucas Duarte | 2016 | São Bernardo, Diadema e São Paulo- SP)

A saga dos estudantes secundaristas de São Paulo por uma educação de qualidade. O levante do segundo semestre de 2015 contra o fechamento de 94 escolas, culminou na ocupação de mais de 200 que seriam afetadas pelas ações de precarização do ensino público engendradas pelo Governo de Geraldo Alckmin que vem perdendo apoio dia a após dia. A coragem, a autonomia, a horizontalidade, a solidariedade demonstrada pelos secundaristas e o apoio popular presentes! Os gritos seguem ecoando na rua talvez anunciando uma profecia já concretizada: Acabou a paz, isto aqui vai virar o Chile!

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=LK9Ri2prfNw

***

DESOBEDIENTES, Uma lição de Resistência (Documentário, 20min | Lucas Duarte de Souza | 2016 | São Bernardo e São Paulo/SP)

Um grupo de estudantes secundaristas ocupam o prédio mais importante do ensino técnico de São Paulo. A ação ira o estado, que envia seu exército para tentar vencer ilhados o pequeno grupo da resistência. Desse acontecimento surge um dos mais lindos exemplos de resistência não violenta do atual momento. Essa ficará sendo a incrível aula dos estudantes sobre desobediência civil durante a reintegração de posse do Centro Paula Souza. Resistir sem violência, enfrentar um verdadeiro exército com atitudes, cantigas, ideias, abraços, palavras, argumentos e a mais intensa coragem e solidariedade ocupando a história.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=A_OF-rquyg0

***

Valentín, A Outra Transição (Documentário, 54min | CGT | 2016 | Espanha | legendas em português)

Documentário autoproduzido pela CGT que analisa o assassinato do jovem membro da CNT, Valentín González, ocorrido em Valência em junho de 1979, e o contexto político e social no qual ocorre, a partir de um posicionamento crítico e libertário.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=yIe0KSiT4hI

***

Hagamos lo imposible

(Documentário, 40 min | Cia Bueiro Aberto | 2015/2016 | São Paulo | legendas em português)

O Documentário é um retrato fiel de um dos maiores movimentos culturais e juvenil atuante na Argentina. Filhos do levante nacional de 2001, Hagamos Lo Imposible é a chama acesa na luta por justiça, igualdade e liberdade.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=CLb4aSB6XZE

***

pUNk[A]h4ck1ng (Documentário, 33min | Cin’Surgente – [A]filmes | 2016 | Brasília/DF)

Documentário sobre memórias e futuros imaginados da relação entre punk, anarquia e hacktivismo. a memória se inscreve ao contexto de duas situações agitadas em brasília, a circulação, via disquetes e cds, de material anarquista, punk e de softwares livre pela 3137r0_p4nx (eletropunx) – editora digital – em 1998 e um evento experimental sobre cibercultura no ano 2000. os futuros imaginados nascem das memórias do contexto punk londrino por um hacker inglês e suas reflexões para daqui em diante, e das memórias de uma hacker brasileira, que transitou pelo punk no início deste século, e que hoje atua na criação e na propagação de hackerspaces e das ações de merry riot do “b[A]leia pret[A] hacker sub_clube”.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=iU4Az6rfUkU

***

Peligro Social

(Documentário, 25min | Guillermo Tupper, José Manuel Dávila, Juan Dávila, Isabel Trillo e Xavier Ortiz | 2013 | Espanha)

No início dos anos 80, um pequeno grupo de mulheres rebeldes tomou de assalto as ruas de Barcelona para criar sua própria revolução através do punk e dinamitar os esquemas conservadores de uma sociedade que saía de uma ditadura de quarenta anos.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=NJktUn2OlvA

***

Dos Canibais
(Experimental | 33:48 min. | 2012 | Léo Pimentel/Cin´Surgente | Brasília/DF)

“dos canibais” foi escrito por michel de montaigne (francês) em 1580. sendo a primeira relativização da europeidade realizada por um europeu ainda na era da invasão frente às culturas indígenas de nosso continente. A partir de alguns trechos da obra, este filme experimental reflete sobre as possibilidades de viver insurgentemente num mundo orientado pelo ativismo do capital, pela necessidade por artefatos e seus programas e pela ocidentalização epistemológica e sua cosmovisão monocultural.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=8hwJbxDf2ks&list=UURxDlppEt08PC9_paopZiMQ

***

CICAS – 30/05/2010
(Experimental | 4:17 min. | 2010 | Marina Pandeló Paiva | São Paulo/SP)

Video feito para um trabalho na Faculdade de Educação da USP, cuja proposta era realizar um video-poesia que mostrasse as mais diferentes formas de se educar. Inspirada pelo curso desse professor anarquista, resolvi entrar em contato com o coletivo Cicas, que ocupou e revalitalizou um espaco cultural abandonado pela prefeitura na periferia de SP. Fiquei sabendo de um evento que ia rolar lá e, apesar de ter críticas à organização do evento, resolvi me fortalecer nas pessoas que lá estavam e com elxs criar algo. Fiz videos e fotos, curti o evento, comi, ri, não tive medo. Ao editar o material decidi colocar essa música do Team Dresch, uma banda queer feminista, que fala: lembre-se de quem você é e se refaça constantemente. Tinha muito a ver com meu momento na época: convivendo com meu agressor, sendo forte, não tendo medo, me recriando a todo instante. Meu objetivo: dar esperanças àquelxs que acham não haver mais saída.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=vHnfVuwdPBg

***

O Muro da Vergonha
(Documentário | 15:40 min. | 2013 | Ação Direta de Vídeo Popular | São Paulo/SP)

Vídeo sobre a derrubada do ‘Muro da Vergonha’, que restringia a área da Favela do Moinho e colocava em risco a segurança de todos os moradores. Em reunião com representantes, o prefeito Haddad chegou a prometer a demolição do muro, mas não a executou. Cansada de esperar, a comunidade agiu por conta própria

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=d0BM1Sdeneg

***

Exibição Rede Extremo Sul
(Documentário | 2013 | Rede Extremo Sul | São Paulo/SP)

Sessão com vídeos produzidos pelos companheiros da Rede Extremo Sul sobre as movimentações sociais na região.

* Assista os vídeos produzidos pela Rede e outras infos em: https://redeextremosul.wordpress.com/

***

Caracas en Moto
(Documentário | 10 min. | 2013 | Daniel Ruiz Hueck | Venezuela)

Em Caracas, um motorista de carro perde no mínimo 3 horas diárias no trânsito, 15 horas semanais, 60 horas mensais, 30 dias por ano. Este curta fala sobre as motos em uma cidade submersa no caos, onde os motoqueiros se tornaram um elemento essencial da vida na capital.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=_DK9KmdJ-90

***

Janela
(Experimental, 4:26 min | 2013 | Verena Kael | Rio de Janeiro/RJ)

Com linha narrativa linear através da entrevista sobre urbanização no final do século XIX a imagem é apenas uma janela diante de outra que se encontra fechada.

* Assista em: http://vimeo.com/73453434

***

Educatio, Onis
(Experimental | 4:25 min. | 2010 | Julio Fonte / Cinema de Guerrilha | São Paulo/SP)

* Assista em: http://vimeo.com/13378686

***

Harina Acrata
(Animação, 1:26 min. | 2006 | José Saravia | Argentina – legendas em português)

Farinha Ácrata é o ingrediente com que se amassam os proletários rebeldes do restaurante de Don Pio, embora este não o saiba e os clientes se queixam todo o tempo.

* Assista em: http://vimeo.com/39928725 (versão sem legendas)

***

1ª Rua de Fazer – Jd. Bandeirantes
(Documentário | 7:44 min. | 2013 | Coletivo Rua de Fazer | São Paulo/SP)

O filme é um registro das atividades do Projeto Rua de Fazer e mostra a ocupação das ruas de lazer do distrito Lajeado, Zona leste da cidade de São Paulo, propondo re-significar as ruas e fazendo xs moradorxs refletirem sobre sua finalidade.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=I2EHOXaGG7g

***

Começou a Luta
(Documentário | 14 min. | 2012 | Lico Cardoso e Pedro Oliveira | São Paulo/SP)

Documentário que aborda o futebol na periferia do extremo leste da cidade de São Paulo, refletindo sobre como o esporte pode ser uma  ferramenta que permita discutir e reivindicar direitos, e estimular a criatividade para enfrentar os desafios. Se passa em um campeonato misto em um dia que a arte não ficou de fora e nem a política.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=-B7OzdTKxvo

***

Dialogando a gente se entende, ou não!

(Ficção | 5 min. | 2014 | Cine Molotov | Fortaleza/CE)

Uma mãe, um filho, um cheiro estranho no banheiro e um diálogo aberto

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=7J_ki1pZpgo&list=UUowQtNn8vttfR9xQkB9p6Jw

***

Made in Brasília

(Experimental | 13 min. | 2013 | Cin’surgente | DF)

Uma insólita viajante chega à Brasília no ano 2012 da ‘deglutição do bispo sardinha’. Algo estranho aconteceu nesta cidade. Onde estão as crianças?

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=gELVUanabGM&list=UURxDlppEt08PC9_paopZiMQ

***

Democracídio

(Documentário | 76 min. | 2014 | Bueiro Aberto | SP)

Vivemos numa democracia? O que seria democracia? Por que os direitos garantidos nas leis não são cumpridos na prática? Se a democracia é o regime do povo, por que o estado em que vivemos ataca e violenta seu povo? Seria uma ditadura velada? Uma democracia autoritária? O que isso tem a ver com a história e o processo de colonização e escravização? Como se dá no contexto da criminalização dos movimentos sociais?Qual seria a alternativa a essa democracia? Como transformar tal realidade na perspectiva do poder popular? São essa questões levantadas pelo primeiro filme da Companhia Bueiro Aberto: “Democracídio”. Os problemas citados são discutidos em entrevistas com coletivos sociais e culturais, além de cenas de ficção onde aparecem emblemáticas figuras como o Deputado Carlos Magno, o Jornalista Orlando Maquiavel, ambos representantes da elite. Há também o poeta que avista a utopia através da arte como arma de mudança.
***

Guerrilha Gerador

(Documentário | 65 min. | 2010/2013 | Danilo Sevali | SP)

Em plena efervescência do movimento Ocuppy que sacudiu o mundo nos últimos anos, músicos de Mogi das Cruzes e Sorocaba se juntam para criar um verdadeiro blitzkrieg sonoro. Utilizando geradores elétricos, eles montam seus shows em praças, ruas, parques ou qualquer outro lugar que lhes pareça possível. Basta que haja uma plateia pronta pra ouvir. Este documentário retrata uma maneira original de questionar o espaço público, os esquemas do show business e, principalmente, a relação comercial entre a arte e o público.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=nFkADXmf6C

***

Malungo

(Documentário | 34 min. | 2013 | Projeto Malungo | SP)

Por meio de entrevistas, videoclipes e outros inserts, o vídeo propõe uma reflexão sobre o atual contexto da luta antirracista e pelo reconhecimento e valorização da cultura negra na sociedade brasileira, abordando temáticas como a produção artística, políticas públicas, educação, violência policial e movimentos sociais.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=5I0BZhSDq1U

***

Linha de Ação – 2º episódio
(Documentário | 26 min. | 2012 | FABCINE | SP)

Linha de Ação é um projeto para realização em série de filmes curtos sobre coletivos culturais, de Artes e de resistência. Neste segundo episódio, apresentamos o Coletivo Dolores Boca Aberta Mecatrônica de Artes

* Assista em:  https://www.youtube.com/watch?v=-LoPyXGamQ0

***

Ideas del Cine Insurgente

(Documentário | 24 min. | 2013 | Ação Direta de Vídeo Popular | SP)

Entrevista realizada com o cineasta boliviano Jorge Sanjinés na sede do Grupo UKAMAU, em La Paz, Bolívia, onde o autor comenta aspectos de sua filmografia e literatura.

* Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=3CFwJpCTjPA

***

No Sofrer

(Experimental | 5min | 2014 | Ali Savage e Viní Rodrigues | Porto Alegre/RS)

O curta NO SoFrer é uma iniciativa de dois anarquistas que residem em Porto Alegre, Brasil. Viní Rodrigues e Ali Savage. A intenção da ação performance é suscitar no imaginário comum das pessoas uma releitura sobre o sofrimento do corpo. Ao contrário da máxima cientificista que funda a doença desse território como uma patologia localizada no script da medicina, com cura prevista e fatalidade irreversível, a performance afirma que a causa de um corpo doente seria sua relação com os discursos opressivos que recaem sobre o mesmo – esses, processos de subjetivação históricos aos quais os afetos foram construídos. No entanto, esses enunciados lançados pelos dispositivos médicos, para o filme em si, não localizam-se imutáveis : NO SoFrer é também uma afirmação da capacidade de mutação desse corpo, para um estado de diferença, alegria e por que não de poder sobre si.

Assista em:  http://youtu.be/Y3RzwmNLaq8

***

Ousar o Anarquismo! (Documentário | 9 min. | 2011 | Tiago Nascimento | RJ)
Parte da história dxs revolucionárixs italianxs anarquistas no Rio de Janeiro e em São Paulo nos anos de 1903 a 1920, Este período foi marcado por graves gerais e a formação da primeira central sindical do pais, a COB- Confederação Operária Brasileira.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=VWzGryhSErk

***

Corpo Transgressão ::: Remix  (Documentário | 28 min. | 2015 | Colombina Sanglant e Antena Mutante | RJ )
Narrativa construida com base em mapas que mostram acontecimentos como a militarização, espetacularização, performances e resistências, além de testemunhos de activistas do movimentos de ocupações, arti(vi)stas, performistas, estudantes e professores. O corpo em questão é aquele que utiliza estratégias de transbordamento na desterritorialização dos espaços. Com criatividade e agressividade os subversivos expandem o momento ao infinito.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Jxe5y0gvwAg

***

Ingovernáveis: Um percurso pela Catalunha anarquista do século XXI  (Documentário | 95 min. | 2015 | Gonzalo Mateos | Espanha)
Ingovernáveis busca retratar a realidade do movimento anarquista ou anti-autoritário na região espanhola da Catalunha. O documentário aborda os conflitos sociais dos últimos anos: greves gerais, movimento de indignados, processos de auto-organização em bairros e centros de trabalho, a revolta em Can Vies, a repressão na Operação Pandora, entre outros.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=fRz0Lpjo9wE&t=332s

***

Fragmentos Anárquicos: Semana de Abertura da Maloca Libertária (Documentário | 5 min. | 2015 | CCS Maloca Libertária | BA)
Vídeo de divulgação do CCS Maloca Libertária

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Vzyfr0cmjeA

***

Tuna: Outra Face (Documentário | 30 min. | 2013 | Anarco-Filmes | SP)
Tendo como ambiente a gravação em casa do disco Dupla Face, da banda punk Tuna, o documentário fala sobre faça-você-mesmx, punk, anarquismo, produções independentes, e diversos outros temas.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=lRqtm9rZw1w&t=85s

***

Kuidado ke Muerden (Documentário | 17 min. | 2013 | Josu Trueba e Pau Coll | Cuba)
Marcos, Alberto, Urraka, Anne, Jakelin, Taquechi, Ivalu, Oliver o Didie conhecem muito bem as dificuldades, rotinas e alegrias de viver na singular cidade de Havana. São “punks” e “frikis”. São nove participantes que durante dois meses aprenderam a usar a fotografia para contar a realidade que os rodeava. Uma Cuba desconhecida e distante dos clássicos estereótipos que rodeiam esta ilha caribenha.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=pVbACT_Mh20&t=2s

***

Imagem Mulher (Documentário | 58 min. | 2012 | Maristela Bizarro | SP)
Documentário que nasce da hipótese de que a idealização da mulher na mídia contribui para a violência contra a mulher. É um olhar que se debruça sobre a mídia e sobre a rotina de três mulheres, Ana Cláudia Martins, Norma Cubillos e Sandra Regina Alves, buscando estabelecer um paralelo. Se a hipótese inicial é válida? As descobertas compartilhamos com o público.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=5OutmyAqCpY

***

Asesinos, ¿dígame? (Ficção | 15 min. | 2013 | Rachel Dreams | Espanha)
Um gesto ruim, um insulto, um grito, um empurrão, uma briga… e não acontece nada, é apenas o dia a dia. Um telefone toca e se ouve uma voz: ele, um jovem “carinhoso e amável”, ela, uma mulher que “só lhe dá problemas”. Eva e Nacho, ou quaisquer outros nomes, são protagonistas.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Hp7xpR8eBrA

***

Anarca-feministas na Bolívia (Documentário | 15 min. | Sin(a)psis | 2010 | Bolívia)
Produzido pela produtora anarquista chilena Sin(a)psis, este curta retrata as anarca feministas da Bolivia, que falam sobre sua luta e as atualidades do movimento.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=R_FTZvMScLo

***

Mulheres da Esperança (Documentário | 16 min. | 2014 | Gabi Moncau | SP)
A Ocupação Esperança resiste em Osasco desde 23 de agosto, com cerca de 500 famílias na luta por uma moradia digna. E uns dois meses depois que os barracos foram postos de pé, já começaram a acontecer as reuniões semanais das mulheres. Cansadas de violência, desigualdade política e de direitos, elas passaram a se organizar. O vídeo retrata um pouco das vidas e lutas dessas mulheres de e da Esperança.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=I4K4xnCa74A

***

Jovens Rebeldes: A História do Southall Youth Movement | (Documentário | 63 min. | 2015| Digital Works | Inglaterra)
Feito por jovens sul asiáticos de Southall, em Londres/Inglaterra, o filme busca a história de luta de sua comunidade dos anos 60 aos 80, num contexto de racismo, atuação de grupos nazi-fascistas, perseguição e ataques de skinheads e da policia, que culmina no surgimento do Southall Youth Movement.

Assista em:  https://www.youtube.com/watch?v=gJ1NVambxrM

***

Ruim é ter que trabalhar (Ficção e documentário | 9 min. | 2014 | Lincoln Péricles | SP)
Alguns dias antes da copa do mundo no Brasil, um operário reflete sobre seu trabalho.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=TQ6u4OogPYQ

***

Contravenção (Ficção | 15 min. | 2015| Companhia Bueiro Aberto | SP)
Fernando é um indivíduo preso às imposições do trabalho. Carrega diariamente o conflito entre ter de seguir às obrigações e realizar seus desejos. Dentro dele, mora um vulcão prestes a entrar em erupção, mas por fora mantém a máscara social e não reclama. Teresa tem uma vida difícil e assim como Fernando se dedica firmemente ao seu emprego. Juntos, os dois decidem escapar da dura rotina. Para tanto, têm de cometer um crime, uma contravenção que pode tanto ser o maior exemplo de violência como o mais simples ato de negar o que os prende.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=Q5wKG5XgYP8

***

à|mo(r)te capital  (Experimental | 13 min. | 2013 | Cin’Surgente DF)
a morte não é um instrumento. nem para o bem, nem para o mal. não é ela quem ceifa a vida. esta mesma é que se autoconsome. ela é apenas uma bailarina, que ama tudo o que vem à existência. e como prova de seu amor, sempre oferece uma última dança, à quem deixará de existir.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=p0kHOfGaYm0

***

Enquanto a liberdade não canta – a redução da maioridade penal (Documentário | 22 min. | 2015 | Desinformémonos | SP )
Realizado pelo Desinformémonos Brasil, traz o debate sobre a diminuição da idade penal e a realidade do sistema carcerário no Brasil pela voz, sobretudo, daqueles que vivem na pele essa realidade. Do lado de cá e de lá das grades, o vídeo de 22 minutos traz fragmentos de vida, opiniões e sonhos de jovens e seus familiares, com imagens exclusivas de dentro da Fundação Casa em São Paulo e do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, no Maranhão.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=5bTktGGwjss

***

Reduzir não cola (curta-metragem | 4 min | 2015, SP)
As opiniões e pensamentos de um grupo de arte educadorxs sobre a redução a partir de suas atividades artísticas, fazendo indagações importantes sobre o tema para a sociedade brasileira. Com iniciativa da produtora cultural e militante Gal Souza e motivados/as pelos debates sobre a redução, em pauta desde a tramitação da PEC 171/1993, os/as arte educadores/as se reuniram para pensar a produção de um curta que contribuísse com o debate, mostrando suas experiências com as oficinas de linguagens artísticas realizadas através do projeto Arte na Casa.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=6VCxJKUBPgE

***

Doc. Cine Campinho – Da Terra à Tela (Documentário | 70 min. | 2014 | Lentes Periféricas | SP)
Em meados de 2007, alguns moradores insatisfeitos com a realidade violenta de seu bairro usaram a sétima arte como ferramenta de transformação social e política. Essa intervenção ajudou a transformar um terreno abandonado em um campo de futebol, espaço de convivência e, com o tempo, cinema a céu aberto. Não demorou muito para que o lugar ficasse conhecido como Cine Campinho e virasse ponto de referência cultural na região.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=7jcNRpShyuo

***
Imagens PERI-Féricas (Documentário | 21 min. | 2009 | Núcleo Audiovisual Cinescadão | SP)
Vídeo-documentário do circuito de exibição independente criado pelo Cinescadão em 2009, nos bairros chamados de PERI, na Vila Nova Cachoeirinha, Zona Norte.
A articulação entre o Hip Hop e o Vídeo Popular de São Paulo, são uma das passagens que marcam o filme.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=JsIBELmQBAU

***

MOINHO 14 (Documentário | 41 min. | 2014 | FABCINE | SP)
Moinho 14 é um documento audiovisual sobre a luta urbana e a resistência organizada pela população da Favela do Moinho, contra a especulação imobiliária e a política higienista dos governos municipal e estadual em SP.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=229qQYNz4lg

***
Djandjuma Nossa Essência (Documentário | 38 min. | 2014 | NCA | SP)
Registro da relação desenvolvida pelo grupo Ballet Afro Koteban, com a música de matriz africana e a paisagem segregada de São Paulo.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=GKb9sg58DvE

***

Óna (Ficção | 5 min. | 2014 | Coletivo Criativo de Rua | RJ)
Um poeta realiza uma oferenda à Exu, mensageiro entre Orún e Aye, afim de libertar os caminhos da sua raça que até hoje sofre com um preconceito cultural e estético.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=GduRE9meXTg

***

Um dragão no reino de Orb |   (Animação | 7 min. | 2015 | Laboratório de educação anarquista / biblioteca terra livre | SP)
Essa história é sobre um reino onde vive um povo pobre, um rei cheio de conforto, um cavaleiro antiherói e um dragão dorminhoco. Curta metragem baseado no livro “Um dragão no reino de Orb”, do italiano Federico Zanoni, primeira produção literária do Laboratório de Educação Anarquista.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=YkyKfAvJvRY

***

Filhas da Luta (Documentário, 6min | Coletivo Pitoresco | 2016 | Rio de Janeiro/RJ)

“O opressor não seria tão forte se não tivesse cúmplices entre os próprios oprimidos”. Simone de Beauvoir

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=gcK2GH8C0zo

***

A cama, o carma e o querer (Experimental, 21min | Núcleo de Comunicação Alternativa | 2016 | São Paulo/SP)

A cama, o carma e o querer é um experimento poético, videográfico concebido em 4 capítulos. é uma parceria do Núcleo de Comunicação Alternativa com a Capulanas Cia de Arte Negra. O curta discute o prazer e a dor no universo da sexualidade da mulher negra em uma sociedade machista e racista.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=UJ2yqbV0dkI

***

Lute como uma menina! (Documentário, 83min | Beatriz Alonso e Flávio Colombini | 2016 | São Paulo/SP)

Este documentário conta a história das meninas que participaram do movimento secundarista que ocupou escolas e foi às ruas lutar contra um projeto de reorganização escolar imposto pelo governador de São Paulo que previa o fechamento de escolas. Essas meninas contam suas aventuras enfrentando figuras de autoridade, desde a luta para tomar a direção das escolas até a violência desenfreada da policia militar. Uma importante reflexão sobre o feminismo, o atual modelo educacional e o poder popular.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=8OCUMGHm2oA

***

Rojava: Democracia Sem Estado (Documentário, 12min | 2015 | legendas em português)

Documentário que retrata um pouco sobre como os curdos estão vivendo e se autogerindo através da organização popular.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=-_VakqMpteM

***

La Utopía – Unidiversidad Agroecológica  (Documentário, 38min | LaPira Colectivo | 2016 | Colômbia | em espanhol)

Um espaço verde, nasce em meio a montanha, um espaço para as práticas libertárias, a permacultura, a aprendizagem e o compartilhamento de conhecimentos. La Utopía é um caminnar, resultado de diversas experiências nos espaços de horta caseira e urbana na cidade de Cali. Este projeto coletivo busca resgatar as sementes, sua memória histórica, seus procedimentos de semeadura e combater o avanço da indústria agrotóxica em nossos territórios. La Utopía, é um espaço de portas abertas a todo individuo que esteja interessado em compartilhar, desaprender e aprender novas experiências.

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=D2hO_KRVlKk

***

Apyka’i – Os Mortos tem Voz (Documentário, 22min | Comitê de Solidariedade aos Povos Indígenas | 2016 |Araraquara/SP)

Documentário produzido pelo Comitê de Solidariedade aos Povos Indígenas, da cidade de Araraquara (SP), retratando a realidade da retomada de Apyka’i, localizada a 7km de Dourados, no Mato Grosso do Sul, a partir de testemunhos dos próprios indígenas Guarani e Kaiowa. Damiana e Nivaldo dividem falas e rezas sobre as difíceis condições de vida na comunidade, e denunciam a violência do agronegócio contra a vida de seu povo: ataques químicos, atropelamentos criminosos, assassinato por arma de fogo são apenas alguns dos crimes realizados pelos fazendeiros e seus jagunços na região. Recentemente, novo pedido de reintegração de posse foi aberto contra a comunidade, a partir do proprietário da fazenda que incide sobre o território indígena. Quais os interesses por trás do avanço do agronegócio e do capital sobre a terra Guarani e Kaiowá? O que está por trás da violência dos fazendeiros e do terrorismo de Estado? O que esconde o arrendamento de terras para a Usina São Fernando, cujo dono é Bumlai? Quem é Bumlai, cujas mãos estão sujas de sangue, e o que representa a produção de monocultura de cana-de-açucar para Etanol na conjuntura? Que as sábias palavras sagradas do povo Guarani e Kaiowá possa esclarecer os caminhos de superação do ecocídio, do genocídio e etnocídio contra os povos indígenas, no sentido de uma sociedade emancipada do capital e do estado. Todo direito à terra para os povos indígenas! Deixe o apyka’i viver! Contra a reintegração de posse! Comitê de Solidariedade aos Povos Indígenas – Araraquara

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=a3IkH2auYl8

***

Impeachment & Golpe: Mestre dos brinquedos (Animação, 4min | Biblioteca Terra Livre | 2016 | São Paulo/SP)

De um lado a direita descarada, do outro a pseudo esquerda. Abaixo a população. Impeachment? Golpe? Seja lá o nome, mais um episódio no teatro “democrático” representativo em que a gente é só bonequinho. Segue o plano do mestre dos brinquedos. Uma rápida análise anarquista da conjuntura. Não vote! Se organize e lute!

Assista em: https://www.youtube.com/watch?v=09PPqpc4Baw